29.4.09

Quando tudo parece estar dando errado

Desde que mudei de cidade estou experimentando esse sentimento. Apesar de saber que estar aqui é propósito do Senhor e que muita coisa ainda irá acontecer, me encontro no exato momento da espera em que tudo parece estar dando errado. E como é difícil esperar...

Sei que não sou a única. Certamente você que lê esse texto, além do meu irmão, fiel leitor do meu blog, sabe exatamente do que eu estou falando. A espera já é difícil por natureza, agora experimente esperar em um lugar tão longe de tudo aquilo que lhe parece tão familiar. Estar em uma nova cidade onde as praças não lhe trazem lembranças, onde o telefone não toca, nem a campainha indica a visita de alguém conhecido, onde você não tem amigos e muito menos raízes, torna a espera ainda mais comprida. Conversando com uma amiga chegamos à conclusão que o problema não é a cidade, somos nós. Talvez por não termos lembranças de infância ou da nossa vida de uma maneira geral, acabamos não nos apegando com tanto amor aos lugares novos. E o Senhor parece ter um interesse especial em enviar seus filhos para longe de vez em quando. É no mínimo digno de análise e reflexão o fato de termos tantos exemplos na Bíblia de pessoas enviadas para longe do que lhe era conhecido.

Abraão e José (do Egito) são duas pessoas que estão me inspirando nesse momento, pois eles sabem o que é esperar e estar longe. Abraão, obedecendo a própria direção específica de Deus, deixou a sua família e partiu para uma terra desconhecida. José, traído por seus irmãos, foi levado escravo para um lugar desconhecido dele. Durante a jornada da vida dos dois, podemos ver que Deus tinha planos específicos para cada um. Abraão não seria apenas pai de Isaque e assim, realizaria um grande desejo do seu coração, mas seria pai de muitas nações como Deus tinha planejado. Cristãos, Judeus e Mulçumanos, todos reconhecem a aliança de Abraão com Deus. Alguém tem alguma dúvida de que ele realmente se tornou pai de muitas nações? José também não iria apenas salvar sua família da fome e seca que desolaram a terra na sua época ou dar uma das mais lindas histórias de perdão que já vi, mas ele iria salvar todo o povo judeu da morte e ainda estabelecer o princípio de redenção, determinado por Deus, para todos nós. Grandes propósitos “ocultos” em um caminho de deserto, de conflitos e de espera, onde tudo parece estar dando errado. Se a vida da gente fosse uma novela, essa seria aquela parte onde o autor complicou um pouquinho a história para torná-la ainda mais interessante.

O nosso Autor, porém, tem um objetivo claro com tudo isso, e não é ter mais audiência, mas, sim: “...tende por motivo de toda alegria o passardes por várias provações, sabendo que a provação da vossa fé, uma vez confirmada, produz perseverança. Ora a perseverança deve ter ação completa, para que sejais perfeito e íntegros, em nada deficientes” (Tiago 1.2:4).

Deus quer nos ver perfeitos e íntegros, em nada deficientes e a Sua escola é a nossa vida, e as Suas lições são os nossos desafios. Não há como ser paciente sem ser testado e tentado com situações que demandem paciência. Não há como ser fiel sem ser testado e tentado em situações que demandem fidelidade, nem há como ter certeza de que somos amados por Deus sem sermos testados e tentados em momentos em que tudo a nossa volta parece indicar que Deus nos abandonou e não fala mais conosco. Como diz Tiago em sua carta, devemos saber que a provação da fé é necessária para produzir em nós um fruto do Espírito muito importante para o Reino de Deus: a perseverança.

Tiago também fala sobre a perseverança ter ação completa em nós. Isso quer dizer que Deus usará todos os nossos dias para aperfeiçoar em nós os seus propósitos eternos. Assim que alcançarmos um certo nível de perseverança, avançamos para outro e assim segue até o último dia. “Estou plenamente certo de que aquele que começou a boa obra em vós há de completá-la até o Dia de Cristo Jesus” (Filipenses 1.6).
Outro dia ouvi uma pregação que falou muito ao meu coração. Quem quiser ouvir vá até o site: www.orvalho.com e clique em Pregações. Depois role a tela até achar: “Nas asas da águia” de 07/09/2008, do Pr.Luciano Subirá.

Não vou comentar muito para não antecipar a mensagem do Pr. Luciano Subirá, mas posso dizer que nem toda tempestade e nem todo deserto é obra do diabo. Muitas vezes Deus vai nos colocar em situações onde tudo parece estar dando errado para nos fazer crescer e voar no Seu Amor. Isso me consola muito. Abraão e José passaram por momentos difíceis, quando sua fé foi testada muitas vezes, mas eles não perderam de vista a certeza do Amor de Deus nesse tempo. E foi isso que fez gerar neles uma fé inabalável, ainda que tudo parecesse estar dando errado.

6 comentários:

Juci Ribeiro disse...

Disseste bem, Mercinha:..."parece" estar dando errado."Só pa-re-ce!"

"Porque agora vemos por espelho em enigma, mas muito em breve veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido." ICo 13.12

Beijinhos cheios de saudades!

Sua irmã e leitora fiel nº2!Hehe!

Juju

Robson vendedor disse...

Amada irmã em Cristo. Sou leitor de seu blog também, ouvi a mensagem do Pastor Luciano no site que você citou e tenho certeza que foi de Deus pra minha vida. Quanta sabedoria, unção e dominio da palavra de Deus. Que o Senhor continue te encorajando, que você sinta o amor Dele em todos os mometnos de sua vida. A paz do Senhor.

Luiza Castro disse...

Suas palavras... sempre tão bem inspiradas! Pois compartilho também desse momento desértico em que grande parte de estrada estou com os olhos fechados e só confiando. Porque só me resta isso.

Te amo, maninha!

patricia disse...

Mell,

Que mensagem linda e é exatamente isso que estou passando. Obrigada por ter iluminado minha vida com esta mensagem de esperança.
Te amo
bjos
Mana

Meire disse...

Suspirei bastante ao ler sua mensagem... Isso porque sinto o peso do que é este período. Mas aí é que está a verdadeira prova dos nove, aquela que vai diferenciar os que confiam e os que pensam que confiam. Deus precisa de homens (e mulheres!) fiés para cumprir Seus propósitos nessa terra. Que Ele os encontre em nós!! :)
Beijocas, Baby, amei o texto! Está de uma maestria divina, como sempre!

oculos disse...

Puxa, Mercinha, que blog edificante!!! Gostei muito de lê-lo!!!

Beijo grande!