30.8.07

Orar em línguas

Quando Renato Russo adaptou e usou a passagem de 1 Coríntios 13.1 em uma de suas canções, toda a geração dos anos 80 e 90 sabem que: “Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o sino que tine.” Porém, o que para essa geração não passa de poema e de palavras bonitas, para quem conhece a Palavra de Deus, sabe que o falar na língua dos anjos é falar na língua do Espírito Santo.

No evangelho de Marcos 16.17, Jesus diz que: “E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas”.
Assim como ir pelo mundo e fazer discípulos, Jesus nos disse que o sinal de se falar novas línguas acompanhariam os que cressem nele.


Quando o Espírito Santo veio à Terra, na noite de Pentecostes, Ele batizou todos que estavam no Cenáculo: “E todos ficaram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito lhes concedia que falassem” (Atos 2.4).
O que Jesus prometeu se cumpriu naquela noite e se cumpre até hoje: “Porque a promessa vos pertence a vós, a vossos filhos, e a todos os que estão longe: a quantos o Senhor nosso Deus chamar” (Atos 2.39).


Quem vive realmente o evangelho e não simplesmente lê as palavras, mas as pratica, precisa colocar em suas atividades diárias um tempo para se dedicar a oração em línguas estranhas. O apóstolo Paulo disse em 1 Coríntios 14.18 que: “Dou graças ao meu Deus, que falo em línguas mais do que todos vós”. E olha que ele escreveu isso para a igreja de Corinto que tinha a manifestação de todos os dons do Espírito Santo.

Ainda em 1 Coríntios 14.4, Paulo nos diz que: “O que fala em língua edifica-se a si mesmo”. É exatamente por isso que devemos ter uma constância nessa busca. De acordo com alguns autores, a palavra edificar, traduzida do grego, seria melhor entendida como se fosse carregar. Imagine a bateria de um celular sendo carregada. Assim somos nós quando oramos em línguas, nosso espírito se carrega na fonte e o nosso homem interior ganha músculos.

Creio que muitos de nós, batizados com o Espírito Santo e que oramos em línguas, acabamos deixando de lado esse precioso dom de Deus porque não o entendemos. A verdade é que quando começamos a orar, nossa mente fica infrutífera, ela não participa disso. “Porque se eu orar em língua, o meu espírito ora, sim, mas o meu entendimento fica infrutífero” 1 Coríntios 14.14. E por isso, muitas vezes achamos que não oramos direito. Grande engano, pois quando oramos em línguas estranhas, aí é que oramos de fato e como se deve: “Do mesmo modo também o Espírito nos ajuda na fraqueza; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o Espírito mesmo intercede por nós com gemidos inexprimíveis” (Romanos 8.26).

Nosso idioma, seja Português, Inglês, Francês ou Alemão chega até um limite. Mas o idioma dos céus não tem fim; ele consegue ter a plenitude de Deus. Nenhum ouvido atendo deste mundo pode entender os segredos que Deus nos revela através do seu Espírito Santo quando oramos em línguas. Assim como não devemos negligenciar a oração em línguas, não devemos negligenciar a interpretação delas.

“Por isso, o que fala em língua, ore para que a possa interpretar” (1 Coríntios 14.13). Se você já ora em línguas, busque mais do Espírito Santo até que seja capaz de interpretar o que você está orando. E se você ainda não ora em línguas, busque mais do Espírito Santo. Ele vai te ajudar a receber esse presente maravilhoso dos céus.

6 comentários:

Juci Ribeiro disse...

Glórias a Deus, irmanzinha!!!!

Verdadeiramente "orar em línguas" é algo grandioso demais e extremamente edificante. Algo realmente que todo cristão precisa viver, foi concedido pelo Senhor e está ao alcance de todos, porque Ele não faz acepção de pessoas. Aleluia!!! Por sermos batizadas no Espírito Santo e "orarmos em línguas", porque de fato há transformação, há revelação, há crescimento.
Creio que podemos nos alegrar no Senhor, por muitas e muitas outras novas vidas que estão desfrutando nesse exato momento desse ato de amor e de intimidade com Deus.

Que Jesus te abençoe sempre, viu fofinha!

Beijinhos!!!

Rev.Duda Lisboa disse...

entre neste site e saiba mais sobre o asunto.. www.dudalisboaministries.org

união de deus disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
união de deus disse...

A paz meu nome é Cesar Andrade estava procurando respostas pois GLORIA a DEUS ha alguns dias ao orar e praticamente todo o dia que fico ligado em DEUS oro em linguas e realmente me sinto muito bem,muito obrigado fica com DEUS amém!

Pastor Ariston Junior disse...

Eu tenho um estudo sobre o assunto no meu Blog:http://oracaoemlinguas.blogspot.com/

Pastor Ariston Junior disse...

Eu tenho um estudo sobre o assunto no meu Blog:http://oracaoemlinguas.blogspot.com/